Inspiração

Onde está a sua felicidade?

4 de dezembro de 2017
felicidade-happiness-curta-critica-um-cafe-pra-dois

O que significa “felicidade” para você? Uma conta bancária gorda? Um carro novo? Um emprego novo? Alguns anos atrás eu me fiz essa pergunta. Para muitos, a minha vida parecia um conto de fadas. Ótimo emprego, fotos incríveis no Instagram e muitos sorrisos falsos. Ninguém via que eu não conseguia ter tempo para a minha namorada, vivia irritado, deitava pensando na emergência do dia seguinte e (por mais trágico que pareça) quanto tempo de vida ainda tinha pela frente. Muita gente fala em depressão e de como ela é imperceptível. Eu não considero que tenha chegado a este ponto, mas minhas crises de pânico/ansiedade e insônia mostravam que tudo estava no caminho certo… para a merda.

Nunca tive uma vida fácil – financeiramente falando -, mas sempre tive fibra. Como isso foi construído, eu não faço ideia (por mais piegas que pareça, família e amor fazem a diferença), mas a minha mente sempre foi bem “resiliente”. Ainda bem, ou ela já teria virado um pudim. Dramático? Vamos dizer que a minha vida segue uma frase do Deadpool, “a vida é uma série de acidentes de trens com pequenas pausas para comerciais felizes”. Não vou dar detalhes porque isso envolve outras pessoas e o objetivo do texto é incentivar a reflexão.

“Look at me, I am old but I’m happy” – Cat Stevens, na música Father And Son

Hoje eu sei que a minha felicidade está nos pequenos detalhes. Parece bobo? Então pega um café, senta na sacada de casa e veja como as luzes acendem e apagam no prédio mais próximo. Parece uma árvore natalina em câmera lenta e, aqueles 3 ou 4 minutos de paz são revigorantes. Veja bem, nem precisei de drogas (lícitas ou ilícitas) para tirar um momento de felicidade.

Viagens, conta bancária, carro do ano… tudo isso é importante, mas nada é mais importante do que a metade cheia do copo. Você pode reclamar – todos reclamam -, mas não se esqueça que existe algo de bom na sua vida. Um cachorro ou gato? Um amigo antigo? Amores não descobertos? Sei lá, você só precisa procurar a sua felicidade.

O artista e animador londrino Steve Cutts produziu o curta “Happiness”, que une diversos elementos do nosso cotidiano, para dar um tapa na cara da nossa felicidade fictícia. Em tempos de Black Mirror e outras tantas produções críticas, o curta de Cutts pode até parecer clichê, mas quantas vezes no dia você faz uma pausa para pensar na sua felicidade?

Comments

comments

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Receba conteúdo exclusivo via e-mail

Olá! Que bom te ver por aqui :)
Para não perder os próximos posts do Um Café Pra Dois e ainda receber conteúdo exclusivo em seu e-mail, assine agora a nossa newsletter.
Email address
Fique tranquilo, nós nunca te enviaremos spam :)